Comments are off for this post

Maria guardava todas essas coisas no seu coração e pensava muito nelas

Fonte da imagem: Portal Jesuítas Brasil

Neste período de Advento, o tempo litúrgico do ano em que nos preparamos para receber o Deus-menino Jesus em nosso meio, me pego pensando em Maria. . .

Maria, uma adolescente que vivia numa pequena cidade da Galiléia chamada Nazaré, com casamento arranjado com o carpinteiro José.

Maria, que já se acostumava com a ideia de se casar – devia estar preparando seu enxoval e recebendo orientações de sua mãe sobre o que esperar de um casamento –, foi a escolhida de Deus para ser a mãe de seu filho Jesus!

Maria dialogou com o anjo Gabriel e, mesmo sem saber o que pensar, confiou quando ele disse: “Porque para Deus nada é impossível.”, e ficou pensando no que ele queria dizer. . .

Maria disse sim a Deus, colocando sua vida em suas mãos, aceitando ser protagonista de uma linda história, sendo assim abençoada.

Maria louvou a Deus com uma linda canção, o Magnificat, depois de ser recebida por Isabel em sua casa, onde conviveram por três meses. Duas gerações diferentes gerando vidas de homens importantes para o plano de salvação de Deus;

Maria deu à luz ao seu primeiro filho longe de casa, de sua mãe, sem enxoval, sem conforto algum. . .

Maria, José e Jesus receberam a visita dos pastores, que relataram sobre os anjos que apareceram e lhes contaram sobre o nascimento do Salvador, o Messias, o Senhor. . . e “Maria guardava todas essas coisas no seu coração e pensava muito nelas.” (Lc 1:19)

O Advento é o período para, como fez Maria, guardar todas essas coisas no coração e pensar muito nelas. . . é o período de desacelerar nossas vidas, e nos voltarmos para a beleza desta história, para também dizermos nosso sim para Deus.

O Advento é o tempo de confiarmos no que o anjo disse: Para Deus nada é impossível! Como Maria, coloquemos nossas vidas em suas mãos, para sermos também parte de uma bela história de fé, amor e esperança!

Anita Sue Wright Torres – Advento de 2017

Para baixar esta reflexão em PDF, clique aqui:

Reflexão Advento 2017 (8 downloads)

Comments are closed.